Notícias

Cabras usadas como “bombeiros”

A freguesia de Bruçó foi das primeiras portuguesas, a par de Aldeia Velha (Sabugal) e Vimioso, a aderir ao programa “self prevention”, uma medida ibérica para evitar os incêndios no vale do Douro.

O objectivo da iniciativa é colocar na zona de fronteira cerca de 150 mil cabras, promovendo o pastoreio para controlar melhor as zonas de potencial risco em termos de combustível natural. O “self prevention”, que representa um investimento de cerca de 48 milhões de euros e que vai contemplar a criação de mais de 700 postos de trabalho na região raiana, implica ainda a instalação de alguns equipamentos e a disponibilização de terrenos para o pastoreio de gado caprino.

"Estamos a dar os primeiros passos e esperamos que o projecto esteja em marcha durante o primeiro semestre de 2011. Em 2017, contamos que todos os equipamentos estejam construídos e a funcionar ", disse o coordenador geral do programa, José Luís Pascual.